Enviar Notícia!Envia sua notícia! Publicação Imediata.

Unidade: Profissionais de Segurança do Trabalho fundam associação




  • Entidade foi criada para organizar, promover a segurança, integração e congregação da categoria

    Chapecó/SC (9.1.2017) – A área de segurança do trabalho acaba de ganhar importante aliado com a criação da Associação dos Profissionais em Segurança do Trabalho do Oeste Catarinense – Aproest. A entidade associativa vai ocupar espaço vazio existente no setor e é mais um instrumento de lutas pela segurança do trabalho. Foi uma maneira encontrada para “valorizar e reconhecer” o profissional em todos os campos, “incluindo o econômico e o social”, explica o primeiro presidente, Marcos Ribeiro Fernandes.

    O técnico em segurança do trabalho disse que a associação foi fundada para “somar competências, multiplicar conhecimentos, dividir responsabilidades e diminuir diferenças”. Sua essência está traduzida em organização, representatividade, liberdade, democracia, criatividade, solidariedade e humanismo. Fernandes expôs que a desorganização da categoria vinha causando “acentuado desequilíbrio” e “desestimulo profissional”. Mostra que Isso era sentido pela inexistência de um organismo representativo.

    A nova associação reúne técnicos e engenheiros de segurança do trabalho. Foi criada com decisivo apoio da presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção e do Mobiliário de Chapecó – Siticom, Izelda Oro. O assessor jurídico do sindicato, advogado André Fossá, presidente da Comissão do Direito Sindical da OAB Chapecó, foi o responsável pela elaboração de todo processo de legalização da Aproest.

    Dirigentes – Além do presidente Marcos Ribeiro Fernandes, a diretoria é composta pela secretária Elizabete Della Betta e tesoureira Scheila Juliana Carvalho. No conselho fiscal estão: Jocélio Casemiro, Alexandre de Souza Santos, Fernando Calegari Klock e Rejane Carpenedo. A Aproest é uma é uma associação de direito privado, sem fins lucrativos, de caráter organizacional, filantrópico, assistencial, promocional, recreativo e educacional. Não possui cunho político-partidário, tem como finalidade atender os profissionais específicos e está voltada à promoção da segurança do trabalho, integração e congregação da categoria.

    Entre as prerrogativas está a específica representação profissional e autonomia para integrar os mais diversos conselhos. Está apta a promover campanhas de conscientização, emitir parecer sobre matérias que envolvem a segurança do trabalho, e adotar práticas de gestão administrativa democrática.

    – Foto: O primeiro presidente da Aproest é o técnico de segurança do trabalho Marcos Ribeiro Fernandes com diretores da associação, a presidente do Siticom Izelda Oro (3ª e/d) e o advogado André Fossá (e)

    Assessoria de Imprensa do Siticom