Estádio do 1º jogo da Chapecoense pela copa do Brasil 2016 terá reformas

Estádio do 1º jogo da Chapecoense pela copa do Brasil 2016 terá reformas

3 de março de 2016 Off Por Chapecó



  • O estádio Gilberto Mestrinho, o Gilbertão, em Manacapuru, ficou quase dois anos em reformas, até ser oficialmente repassado a prefeitura do interior em julho de 2015. Depois de sete meses disponíveis para receber jogos, o espaço sediou um duelo apenas no último sábado, quando o Princesa goleou um apanhado de Rio Preto da Eva por 4 a 0.

    Apesar da pouca usabilidade do local, o administrador do estádio, Sandomar Gusmão, afirmou que o gramado do Gilbertão passará por um período de uma semana a 10 dias de reformas. Os ajustes, avaliados em cerca de R$ 10 mil, serão iniciados a partir do dia 07 de março. A intenção é adequar a grama para o duelo diante da Chapecoense, no dia 06 de abril, pela primeira fase da Copa do Brasil.

    gilbertao_1

    A verdade é que a Secretaria de Estado e Infraestrutura (Seinfra) não fez um bom trabalho durante a reforma do Gilbertão. Por isso o gramado precisa passar por manutenção, principalmente, embaixo dos gols, que é a área mais afetada pelos goleiros. Vamos colocar uma grama nova – disse o responsável pelo local.

    As falhas no gramado não são os únicos problemas encontrados do Gilbertão após a reforma que impediu o Princesa e Operário, ambos de Manacapuru, de atuarem no estádio por mais de um ano e meio. De acordo com Gusmão, os vestiários e refletores também vão precisar de ajustes. Estes dois últimos problemas, no caso, perturbam a administração desde que o espaço foi reaberto.

    – Os vestiários não tem mobília. Nós precisamos mobiliar todos os três: Princesa, visitante e arbitragem. Fora que os refletores seguem mal posicionados. A iluminação fica ruim em partidas disputados à noite – concluiu.

    Amistoso

    No dia 05 de março, antes do gramado entrar em reforma, o estádio sediará um amistoso entre Princesa do Solimões e Sul América sub-20, que se prepara para o Campeonato Amazonense de Juniores. O ingresso custará R$ 5.

    Fonte: Globo Esporte