Moisés Ribeiro da Chapecoense é condenado pela CONMEBOL a suspensão de dois anos

Moisés Ribeiro da Chapecoense é condenado pela CONMEBOL a suspensão de dois anos

23 de agosto de 2018 Off Por Editor



  • A Chapecoense recebeu o comunicado na data de ontem (22), o jogador foi flagrado no exame anti-dopping na partida de volta, válida pela segunda Fase da Copa Libertadores da América, no dia 07 de Fevereiro desse ano.

    Confira a nota:

    A Associação Chapecoense de Futebol vem a público comunicar que, na data de ontem, recebeu a notificação de que o atleta Moisés Ribeiro Santos foi condenado pelo Tribunal Disciplinar da CONMEBOL a pena de suspensão de dois anos, com início em fevereiro de 2018.

    Cumpre referir que, diante da atuação do Departamento Jurídico do clube, juntamente com os advogados do atleta, e das circunstâncias fáticas e probatórias do caso, foi possível reduzir a pena mínima de quatro anos, prevista para este caso no Regulamento Antidoping da CONMEBOL, para dois anos de suspensão.

    O clube informa que ainda há possibilidade de recurso e que o seu departamento jurídico e os advogados do atleta estão analisando a decisão proferida pela CONMEBOL, para adotar todas as medidas legais dentro do prazo regulamentar.

    Por fim, a Associação Chapecoense de Futebol e seu departamento jurídico, respeitosamente, manifestam sua discordância em relação à pena aplicada ao jogador pelo Tribunal Disciplinar da CONMEBOL, e renovam o compromisso de adotar todas as providências necessárias para a defesa do jogador e para o esclarecimento dos fatos.