Grupo que desviava dinheiro de obras em SC é desarticulado

Grupo que desviava dinheiro de obras em SC é desarticulado

17 de maio de 2016 Off Por Chapecó



  •  

    Concórdia – A Polícia Federal de Santa Catarina deflagrou, na manhã desta terça-feira, 17, a operação Água de Prata para reprimir uma organização criminosa que desviava recursos públicos de prefeituras do Sul do estado.

    A ação de hoje cumpriu 34 mandados de busca e apreensão, quatro de prisão preventiva e 17 de condução coercitiva em 18 cidades catarinense.

    Das quatro prisões preventivas, uma delas foi realizada em Florianópolis, envolvendo um servidor público federal. Também houve prisões em Concórdia, Atatanguá e Siderópolis.

    De acordo com o delegado da Polícia Federal Criciúma, Cláudio Roberto Trapp, ainda não há a confirmação da participação de gestores públicos no esquema. Ele acredita que as prefeituras devem colaborar para que os fatos sejam esclarecidos e haja bom uso do dinheiro público.

    Segundo a PF, a quadrilha estaria infiltrada em pelo menos nove prefeituras de Santa Catarina desviando recursos públicos obtidos por meio de convênios com a União para obras de saneamento do PAC II. De acordo com as investigações, em apenas três obras fiscalizadas, teriam sido desviados cerca de R$ 2 milhões.

    Fonte: Cidadão no Comando