A NOVA SÃO PEDRO: O fim de um gargalo

A NOVA SÃO PEDRO: O fim de um gargalo

12 de abril de 2016 Off Por Chapecó



  • A reestruturação da avenida São Pedro, no trecho entre a rótula da Leopoldo Sander e a avenida Nereu Ramos, é o primeiro sinal de que a Prefeitura de Chapecó começa a executar o Plano de Mobilidade Urbana, elaborado por técnicos do Lab/Trans da Universidade Federal de Santa Catarina, e que vai preparar a cidade para os próximos 10 anos. “É na São Pedro que a população começa a sentir os primeiros benefícios do Plano de Mobilidade Urbana. Estamos tirando as propostas do papel e vendo se concretizar, na prática, e isso é muito gratificante, pois o objetivo maior é melhorar a vida das pessoas”, destaca o Prefeito de Chapecó, Luciano Buligon.
    A NOVA AVENIDA SÃO PEDRO se torna uma via rápida com o novo recapeamento asfáltico, sinalização e retirada dos espaços para estacionamento dos veículos. Esse passo rumo ao futuro vai beneficiar diretamente todos os moradores dos bairros São Cristóvão, Jardim América, Parque das Palmeiras e grande Efapi, atingindo quase 67 mil habitantes. Um deles é o frentista, Vinicios Benachio que usa a avenida todos os dias e trabalha de olho no fluxo. “É muito melhor andar na São Pedro agora. Chapecó tinha que evoluir nessa parte. O trabalho em si ficou ótimo, mas tem muita gente que ainda não respeita a sinalização, mas o asfalto ficou bem melhor. A maioria dos clientes que comentam aqui no posto, dizem que ficou bem melhor”, comentou Vinicios.
    Os operários das empresas às margens e próximas à avenida São Pedro, como a BRF, os frigoríficos da Aurora e mais os universitários, professores e funcionários da Unochapecó e da Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) já sentem a diferença no tempo de deslocamento com a eliminação deste gargalo que emperrava o trânsito nesta região da cidade, principalmente nos horários de pico. A professora do curso de enfermagem da Unochapecó e do mestrado em Ciências da Saúde, Lucimare Ferraz saúda a chegada da NOVA SÃO PEDRO, lembrando do tráfego antes das obras. “Com o crescimento populacional da cidade, ficou cada vez mais moroso transitar no trecho, pois além do grande fluxo de carros, seguidamente ocorrem acidentes de trânsito, que apesar de serem de pequena gravidade geram engarrafamentos e atrasos. Acredito que essas obras trazem uma perspectiva de melhoria da mobilidade urbana em Chapecó, permitindo deslocamentos mais ágeis e seguros para motoristas e pedestres”, destacou a professora.
    Chapecó dá vida ao Plano de Mobilidade Urbana
    Com quatro pistas, a NOVA SÃO PEDRO vai também contribuir para o deslocamento dos transporte coletivo urbano e intermunicipal, com a identificação de pista preferencial para esse tipo de serviço, mas podendo também ser utilizada por outros veículos. O Secretário Municipal de Desenvolvimento Urbano, Wilson Lobo de Carvalho explica que “quando não há fluxo intenso de ônibus, veículos de passeios e motocicletas poderão utilizar as quatro pistas”.
    Wilson Lobo destacou ainda que as mudanças com a execução do Plano de Mobilidade Urbana contribuem para a educação no trânsito com ênfase na acessibilidade. “Estamos cumprindo o que virou lei com a sanção do Plano. Neste momento a prioridade é a sinalização. Em alguns pontos da São Pedro estamos rebaixando meios-fios, tirando muretas, colocando balizadores para evitar passagens irregulares de motociclistas e ajustando os locais das botoeiras”, esclareceu.
    A NOVA SÃO PEDRO é a principal via de acesso à região oeste da cidade, justamente a região que mais cresceu nos últimos 15 anos. O fluxo diário de veículos nesta via é um dos maiores segundo o Plano de Mobilidade Urbana, que prevê mudanças pontuais e necessárias no trânsito da principal cidade do oeste de Santa Catarina.
    A Prefeitura deve terminar nos próximos dias os trabalhos de sinalização na pista e a partir do dia 20 de abril os motoristas não poderão mais estacionar na avenida São Pedro, no trecho entre a Nereu Ramos até a rótula da Leopoldo Sander. O empresário Ricardo Zanella, dono de uma agropecuária na avenida São Pedro, elogiou o trabalho de recuperação do asfalto e a qualidade da pintura. “Ficou 100%, bem melhor. Melhorou até pro pedestre. Antes o asfalto era todo danificado e mal sinalizado. Agora ficou bem melhor”.
    Ricardo comentou ainda que está apreensivo com relação à reação dos clientes depois que não tiver mais o estacionamento na frente da loja, mas sabia que uma hora ou outra isso ia mudar para que Chapecó continuasse a crescer. “Chapecó precisava de uma via de trânsito rápido. Pra nós e para os clientes vai ser uma questão de adaptação. Em tudo é assim. Acho que não vamos perder nossos clientes fiéis. Esses vão estacionar na rua de cima”, comentou.
    O Prefeito de Chapecó, Luciano Buligon explica que o Plano de Mobilidade é um trabalho criterioso, baseado em estudos técnicos e levou três anos para ser elaborado. “O Plano nos apontou tecnicamente os nossos problemas e as possíveis soluções, agora vamos executar, pari passo, começando pela São Pedro e se estendendo por toda a cidade. Mas pra tudo isso valer a pena tem que melhorar a vida das pessoas, proporcionar maior conforto e qualidade ao transporte coletivo. Queremos que as pessoas passem menos tempo no trânsito e mais tempo com as suas famílias”, complementou o Prefeito.
    A recomposição asfáltica da NOVA SÃO PEDRO integra o Programa Acelerando o Desenvolvimento, que contempla a recuperação total do asfalto nas principais ruas, avenidas e acessos de Chapecó. Nesta primeira fase as obras irão se estender por 30 quilômetros, em 11 ruas e cinco avenidas. A primeira e a segunda etapas do programa somam investimentos de 40 milhões de reais, 20 milhões do Governo do Estado de Santa Catarina, por meio do Fundo Social, e outros 20 milhões sinalizados pelo BADESC – Agência de Fomento do Estado de Santa Catarina.
    RESUMO:
    População beneficiada diretamente: 66.558 pessoas
    Bairro São Cristóvão: 9.035 habitantes (censo 2010/IGBE)
    Bairro Efapi: 27.543 habitantes (censo 2010/IGBE)
    Bairro Parque das Palmeiras: 4.135 habitantes (censo 2010/IGBE)
    Bairro Jardim América: 3.742 habitantes (censo 2010/IGBE)
    Unochapecó: 8.000 estudantes
    1.000 funcionários
    UFFS: 3.551 estudantes (graduação e pós-graduação)
    240 professores
    80 técnicos
    BRF: 5.200 funcionários
    Frigorífico Aurora Chapecó 1: 2.714 funcionários
    Frigorífico Aurora Guatambú (antiga Bondio): 1.318 funcionários
    120416-a-nova-sao-pedro-4- 120416-a-nova-sao-pedro-3- 120416-a-nova-sao-pedro-2- 120416-a-nova-sao-pedro-infografico

    Prefeitura de Chapecó